TIM espaço mulher

Menu

Comportamento

Kate Middleton teve alta sete horas após dar à luz. Será coisa de realeza? Entenda!

(Foto: Reprodução)

A velocidade com que Kate Middleton, que deu à luz o terceiro filho na última segunda-feira (23), em Londres, voltou ao palácio chamou a atenção das brasileiras. Sete horas depois, em frente ao St. Mary’s Hospital, a duquesa de Cambridge apareceu com seu bebê nos braços, usando sapatos de salto alto e cumprimentando a imprensa e o público.
Mas no Reino Unido não é preciso ser princesa para realizar tal feito. Quando não há complicações no parto, seja aristocrata ou plebeia, a mãe é liberada seis horas após o parto.
Os médicos também são coadjuvantes; acionados apenas em casos de emergência, quando intervenções cirúrgicas são realmente necessárias. Já o pré-natal, o parto e o pós-parto das gestações de baixo risco são conduzidos por parteiras, chamadas de midwives.
Segundo Suzan Correa, brasileira que trabalha no NHS (National Health Service britânico), disse ao Estadão, isso é possível pois “quando o sistema é público e universal, é o bem-estar da mulher está em primeiro lugar”. Além disso, existe ainda a garantia de um serviço de atendimento em casa por um profissional de saúde durante 21 dias.
Por aqui, as coisas são diferentes. Uma portaria do Ministério da Saúde diz que o prazo mínimo para liberação após o parto normal sem complicações é de 24 horas. Em caso de cesáreas, o mínimo são 48 horas, mas muitas mulheres acabam ficando por mais tempo no hospital.

 

O TIM Espaço Mulher traz todos os dias o melhor conteúdo para você se manter informada. Aqui, falamos sobre moda, beleza, amor, sexo, culinária, saúde e tudo o que passa na cabeça das mulheres.

TIM espaço mulher

Insira o número do PINCODE

· Serviço exclusivo para clientes TIM

· Receba dicas que toda mulher precisa saber!