TIM espaço mulher

A polêmica decisão de não ter filhos

shutterstock_98725502
Publicado em agosto 20, 2015 pela Redação

Você é uma mulher na casa dos trinta anos, casada ou num relacionamento firme e sem filhos. Fatalmente uma pergunta te perseguirá por todos os lados, vindas de pessoas conhecidas, familiares, amigos e até desconhecidos: Quando você vai ter filho?

É cada vez maior a quantidade de mulheres que decidem não ter filhos e, seja qual for o motivo da escolha, pode uma decisão muito difícil e polêmica. A socishutterstock_124606528edade exerce uma pressão psicológica muito forte em quem faz essa escolha, pois temos na cabeça a maternidade como algo natural e passo obrigatório na vida de uma mulher. A decisão de ter filhos, porém, não pode ser baseada nas exigências da sociedade ou nos desejos dos familiares e amigos.

Muitos casais decidem não ter filho porque não encontram espaço para uma outra pessoa na relação ou porque a mulher prefere priorizar a carreira e deixar a maternidade em segundo plano. Existem muitos motivos que podem levar a decisão de não ter filhos, afinal a maternidade e a paternidade exige muita responsabilidade, demanda muito tempo e dedicação, além de mudar a vida da família. Muitas pessoas não estão dispostas a passarem por isso e devem ser respeitadas.

Quando essa ideia de não ter filhos aparece durante um relacionamento, alguns conflitos importantes podem aparecer, pois talvez o seu parceiro tenha o sonho de ter filhos. Se essa situação acontecer, o casal deverá conversar e refletir que decisão tomar.

Se você está pensando em tomar essa decisão, temos alguns conselhos:

  • Não ceda a pressão da família e dos amigos. A decisão deve ser somente do casal.
  • Não ligue para comentários onde dizem o quanto você é egoísta e que vai se arrepender dessa decisão. As pessoas são diferentes (ainda bem!) e possuem objetivos de vida diferentes.
  • Saiba que algumas pessoas vão achar essa decisão estranha. Não culpe-as. Muitas pessoas acham ashutterstock_148412045 maternidade algo extremamente natural e nem pensam em outra possibilidade.
  • Esteja preparada para explicar para as pessoas que gostar de crianças não quer dizer ter vontade de gerar uma. Você pode muito bem adorar ficar com seus sobrinhos ou filhos das duas amigas, mas isso não é necessariamente um sinal de que você tem um desejo reprimo por ser mãe.
  • Saiba que você pode mudar de ideia. Por ser um tema muito delicado, é normal sentir-se insegura e mudar de opinião.
  • Você não está sozinha. Procure por fóruns, converse com pessoas que também não querem ter filhos, reflita sobre o assunto.

ÚLTIMAS NOTAS

Insira o número do PINCODE

· Serviço exclusivo para clientes TIM

· Receba dicas que toda mulher precisa saber!