TIM espaço mulher

Como curar um coração partido #quemnunca

bansky
Publicado em março 16, 2017 pela Redação

Quem nunca sofreu com um coração partido? Dói, dói, mesmo, ver um relacionamento acabar. E,muitas vezes, mesmo que a decisão tenha partido de você, não é fácil. Mas quando não é, quando você não queria o fim… ahhh, aí é dureza.

Ao contrário do início do relacionamento, quando tudo é alegria, novidade, entusiasmo e, claro, paixão, o término do relacionamento leva a total perda de tudo que foi conquistado, o que pode gerar uma sensação de fracasso. Então, começam-se os questionamentos de culpa: “será que eu fiz tudo que poderia?”, “onde eu errei?” entre outras, essas questões atordoam mais ainda aquele que está sofrendo pelo fim.

coração partido

O rompimento dificilmente é a primeira opção, ele acontece quando a situação ficou realmente insustentável ou quando o relacionamento perdeu o sentido para das partes. Vale lembrar que não se deixa de gostar de alguém do dia para noite, não se acorda no dia seguinte e lembra que não gosta mais do parceiro, neste caso é algo que foi sendo cultivado durante algum tempo e muito provavelmente ignorado.

Tudo poderia ser mais fácil se o ponto final no relacionamento fosse apenas uma questão de opção e vontade, mas a gente sabe que não é tão simples assim. A partir do término começará um novo ciclo, em que o abandonado terá que se acostumar a não mais contar com quem contava antes. Essa costuma ser a parte mais dolorido para muita gente.

Para algumas pessoas, o tempo de recuperação do término pode ser rápido, mas para algumas outras não. Isso pode depender de alguns fatores, como: surpresa com que a pessoa recebeu a notícia do parceiro, o quanto a pessoa é relutante a términos, do quanto a pessoa é orgulhosa e não consegue assumir que houveram erros dela também, o quanto ela era dependente do parceiro, etc.

broken heart

 

Para homens, geralmente o processo é ao contrario, em que ele começa já saindo com os amigos no mesmo dia, tentando aproveitar a vida, o tempo vai passando e ele vai cada dia mais se sentindo sozinho. Já as mulheres começam com a tristeza e sentimento de solidão, e aos poucos vão retomando a vida cotidiana.

Depois de passar por um término, um novo ciclo irá começar, em que volta-se a descobrir que a vida não era apenas o relacionamento, e que existem muitas outras coisas boas no mundo. Isso, ocorre porque nos acostumamos com os relacionamentos e por muitas vezes ficamos presos uns aos outros.

Neste novo ciclo, é legal você:

Voltar a sair a sair com as amigas. Não necessariamente para uma balada e já iniciar um novo relacionamento. Mas sim, para conviver com outras pessoas, sentir-se segura.

Voltar a fazer as atividades que você gosta, a focar em coisas suas. Se você gosta de ir ao cinema, que tal ir hoje? Este é um exemplo simples, mas cada um deverá trocar a palavra cinema pelo que gosta, isso irá ajudar a se reerguer deste término, que pode ter sido traumático. Uma das melhoras coisas que podemos pensar é no foco em nós, e começar um novo ciclo, mais forte e determinada.

A busca de uma sensação de bem estar por vir de diversas fontes, que liberam algumas substancias químicas no cérebro que lhe darão esta sensação, como por exemplo fazer um esporte, até mesmo uma caminhada, ajudar as pessoas também irá lhe dar uma ótima sensação, realizar as suas tarefas e metas, se planejar para o futuro, criar um sentido para a sua vida, isso tudo lhe dará sensações de bem estar e lhe promoverá a alcançar algo maior e melhor.

Ficar fuçando na vida do ex não ajudará em nada, ficar olhando Instagram, Facebook, entre outras redes sociais procurando o porque terminou, ou como ele está, o que ele esta fazendo, e todas as informações que você possa pensar em olhar irão te bloquear para o futuro, em que você ainda está presa a algo que já terminou, e sua vida de seguir, e não ficar parada, como diria um grande sábio “não olhe para trás, você não está indo nessa direção”. Então, você ficar fuçando na vida do ex. irá cada dia mais te amargurar, criar mais tristezas, entre outros sentimentos negativos, e nesta situação o foco é iniciar a sua nova vida, então foque nela.

broken heart

- Se você sentir que a tristeza não passa, que está muito difícil lidar com isso sozinha e você estiver sofrendo demais e não conseguir encarar este novo ciclo, perceber que a tristeza não passa, falta de vontade de fazer tudo, não há mais prazer em nada, entre outros sintomas, que se durarem mais de 2 semanas sem nenhum tipo de melhora pode ser a hora de procurar um psicólogo, e contar para ele o que está acontecendo para que ele possa te ajudar. E o mais importante, não precisa ter vergonha ou medo de contar isso ao psicólogo, ele está lá para te ajudar.

Timespacomulher-Assinatura-DrYuriBusin

ÚLTIMAS NOTAS

Insira o número do PINCODE

· Serviço exclusivo para clientes TIM

· Receba dicas que toda mulher precisa saber!